17 março, 2010

Por um instante parei o tempo









Por um instante parei o tempo
O mar deixou de rolar
A pomba deixou de voar

O vento deixou de rufar
e eu
admirei, captei, divulguei.
Para não esquecer.

Sem comentários:

Enviar um comentário